Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Home » Notícias
 
Parceiros
25.08.2014 |
PREFEITO DE FLORIANÓPOLIS DEFENDE RESSARCIMENTO À CIDADE E AO ESTADO POR ATRASO DE OBRAS EM PONTE E AEROPORTO

Prefeitura, empresários e setor turístico repercutem casos de atraso e rescisões contratuais

Uma das obras prioritárias para a região da Grande Florianópolis, o novo terminal do Aeroporto Hercílio Luz é uma obra sem prazo para ficar pronta. O pedido de rescisão feito pela Infraero, para romper o contrato com a empresa Espaço Aberto, já repercute nas entidades civis da cidade e também junto à prefeitura.

— Essa empresa tem provocado prejuízos gigantescos à cidade e, se esse é um país que tem lei, deveria ser proibida de contratar novamente com a administração pública. O aeroporto é uma das nossas maiores necessidades. É a nossa perna manca da economia do Turismo na cidade — disse o prefeito Cesar Souza Junior.

Cesar Souza também afirmou que, além do prejuízo turístico, pode haver um prejuízo para a população de 80 mil moradores que mora no Sul caso a empresa decida rescindir seu contrato para as obras do acesso à esse novo terminal — uma obra estadual, que o Deinfra afirma estar avançando dentro do cronograma.

— Eu acho que tem que ser aplicado, inclusive, um pedido de ressarcimento por perdas e danos à cidade e ao seu contratante, o Estado — disse o prefeito.

Presidente da Associação Empresarial da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (Aemflo), Marcos Antonio Cardozo comenta que há nesses encerramentos de contrato, também, falhas de gestão por parte do Estado e de outras entidades do Poder Público.

— Nós vamos ter aí uma nova temporada com a ampliação do aeroporto muito longe de ser concluída, com a acesso aos Ingleses pela metade, o viaduto de Canasvieiras que não saiu do papel, a ponte Hercílio Luz que vai para mais um atraso, com décadas de atraso — disse o presidente da Aemflo, que emendou — Isso, na nossa visão, prova que a gestão está sendo ineficiente.

Ele lembra também que a demanda das entidades era por um aeroporto regional, fora da Ilha. Mas a decisão política foi por ampliar o atual, que opera há dez anos com praticamente a mesma capacidade. Lamentou, no entanto, o atraso. Se a escolha foi pela ampliação, ao menos os prazos deveriam ser cumpridos, afirmou.

Ainda na questão dos prejuízos turísticos, o presidente do Florianópolis e Região Convention & Visitors Bureau, Marco Aurélio Floriani, disse que os atrasos, que devem levar a quebras contratuais, são um desrespeito com a cidade com empresários e funcionários do setor do Turismo na Capital.

— Estivemos recentemente em Brasília para um seminário no Ministério do Turismo. Os dados do aeroporto de lá, que está triplicando a capacidade aérea, mostram que já está se ampliando o impacto turístico na cidade. Hoje deixa-se de fazer eventos ou trazer algumas atividades ligadas ao setor por essa dificuldade na locomoção aérea — afirmou Floriani.


A empresa alega não ter sido notificada de nenhuma das rescisões além das obras de duplicação da SC-403, onde já há outra empresa trabalhando. Sobre a construção do terminal, a obra estaria parada porque dependeria da terraplagem por parte de outra empresa. Diz também que tem operários trabalhando na Ponte Hercílio Luz e que está revertendo a perda do contrato com a Infraero, apesar de a assessoria do governo e a Infraero negarem as informações. Mas afirma que romperá um dos lotes do acesso ao aeroporto, no trecho em que deveria estar sendo contruída uma nova rodovia duplicada que criará outra rota para se locomover a alguns bairros do Sul da Ilha.

 

Fonte: Diário Catarinense, 22/08/2014.

Enviar esta página Versão para impressão
Veja mais Notícias:
18.12.2015 | Deinfra tentará incluir novo desvio da SC-283 em revitalização
15.12.2015 | Após desabamento da ponte Tancredo Neves, prefeitura de Itajaí vai fazer projeto para nova travessia
15.12.2015 | Governo do Estado apresenta proposta para etapa final da restauração da Ponte Hercílio Luz
14.12.2015 | Contorno viário leste de Chapecó tem novo projeto depois de 13 anos
11.12.2015 | Primeira treliça de sustentação da ponte Hercílio Luz começa a ser içada nesta quinta-feira
11.12.2015 | Parque Estadual da Serra do Tabuleiro reabre com assinatura de edital do Plano de Manejo
08.12.2015 | Aprovação de lei resolve impasse e edital de dragagem sai na próxima semana
03.12.2015 | Lançado PMI do Parque Urbano e Marina Interessados em apresentar projetos têm 30 dias para se manifestar
03.12.2015 | Novo adiamento da dragagem e previsão de verão chuvoso preocupam Porto de Itajaí
25.11.2015 | Quase 100 ruas de Florianópolis serão pavimentadas com R$ 35 milhões do Ministério das Cidades
25.11.2015 | Ministro vem a SC, mas não fala sobre obras e atrasos em rodovias
25.11.2015 | Governador em exercício assina convênio para conclusão da Barragem do Rio do Salto
16.11.2015 | Ponte Hercílio Luz recebe primeiras treliças de sustentação a partir de dezembro
16.11.2015 | Em Criciúma, Eduardo Pinho Moreira anuncia liberação de recursos para mobilidade urbana
12.11.2015 | Prefeitura de Florianópolis lança edital de duplicação da Antônio Edu Vieira
11.11.2015 | Aeroporto de Navegantes na pauta
11.11.2015 | Obra de adutora no Oeste deve iniciar em dezembro
09.11.2015 | DNIT diz que não há prazo de liberação dos recursos para duplicação da BR-470
09.11.2015 | Reunião sobre duplicação da BR-470 decepciona lideranças do Vale do Itajaí
09.11.2015 | Governo Federal libera R$ 65 milhões para a dragagem do Porto de Itajaí
| Página 1 de 40 | Próxima »
Cadastre-se aqui para receber nossas novidades em seu e-mail:

 
© 2010 | SICEPOT-SC